Reestruturação organizacional para pequenas e médias empresas – Parte 1

25 de Agosto de 2016, por Jeferson Sena | Organização Empresarial
0

A estrutura de uma organização compreende todas atividades necessárias para que ela opere, incluindo aspectos físicos, humanos, financeiros, jurídicos, econômicos e administrativos. Na medida que as empresas crescem elas precisam observar se suas estruturas estão adequadas ao seu novo estágio de desenvolvimento, ajustando-as sempre que um novo ciclo se inicie.

Uma estrutura inadequada afetará o desempenho da organização, prejudicando-a fortemente em suas atividades, seja em função da falta de recursos ou pelo desperdício desses. Por isso é necessário que os gestores estejam atentos para a adequação da estrutura ao estágio de desenvolvimento, avaliando o quanto o desempenho está sendo afetado pelas condições estruturais.

Cada porte com sua própria reestruturação

É claro que, em empresas de portes distintos, o processo de reestruturação será conduzido de formas diferentes. 

1. Reestruturação em pequenas empresas

Em nossas observações ao longo dos anos, as pequenas empresas apresentam deficiências em suas estruturas operacionais voltadas aos recursos humanos e à gestão dos processos empresariais. Isto porque a construção do pequeno negócio está muito baseada nas qualificações dos empreendedores e contam com um contingente de pessoas com pouca experiência em gestão. Formados a partir de uma visão técnica-operacional, esses negócios têm seus processos estruturados de forma empírica e são desenvolvidos por pessoas com pouca especialização.

Quando essas pequenas empresas começam a ganhar musculatura, é hora de repensar como estão seus processos de venda, de relacionamento com os clientes e gestão financeira. Também é importante avaliar se os recursos humanos são suficientes e qualificados para todas as atividades exigidas.

2. Reestruturando empresas de médio porte

Em empresas de médio porte, as requisições de ajuste estrutural, geralmente alcançam patamares mais estratégicos, voltados ao planejamento da produção, a implementação dos controles orçamentários, a gestão do portfólio de produtos e seu desenvolvimento, ao marketing, ao planejamento fiscal e tributário.

Para organizações desse porte, a estrutura precisa estar adequada ao momento presente e ser capaz de suportar o desenvolvimento de médio prazo, pois a organização está se planejando para os próximos dez ou quinze anos.

3. As grandes empresas também passam por processos de reestruturação

Para as grandes empresas, as questões estruturais estão voltadas para a sustentabilidade dos negócios e as preocupações estão com foco na expansão territorial, na diversificação dos negócios, nas questões de governança corporativa e na segurança institucional. O foco está nas décadas vindouras e a organização já é um organismo totalmente autônomo de seus criadores.

Independente do porte, sempre que as estruturas organizacionais forem um impedimento ao crescimento da organização é necessário que os gestores considerem a possibilidade de promover uma reestruturação dessa organização.

Nós vamos continuar este assunto. Fique atento ao nosso blog, no próximo artigo falaremos sobre as diferentes áreas que são impactadas durante o processo de reestruturação e o momento ideal para cada mudança organizacional.

Até breve!

Sobre o autor:

Jeferson Sena é sócio-diretor da Ninho Desenvolvimento Empresarial, especialista em projetos de organização e reestruturação de empresas, desenvolvimento, implementação e gestão de planejamento estratégico.

O que achou?

Avalie esse artigo:

Deixar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Por favor, preencha todos os campos.



Depoimentos

Na confecção de projetos para captação de recursos é importante somar conhecimentos multidisciplinares, garantindo que o conteúdo do projeto contemple as tecnologias inovadores que serão utilizadas ou criadas durante o desenvolvimento do mesmo.

Fernando Barros de Sá

Assistir

A Decisão Sistemas buscava estruturar a empresa preparando-a para o crescimento. Uma importante etapa do processo era ter uma real visão da situação da empresa, para que fossem definidas ações condizentes com as necessidades da organização.

Almir Firmino da Silva

Assistir

O objetivo da Ninho é criar condições favoráveis e apoiar um conjunto significativo de empresas goianas, de micro e pequeno porte, no desenvolvimento de projetos com foco em inovação, utilizando os programas federais e estaduais de subvenção e financiamento.

Cláudio Henrique de Ávila

Assistir

Clientes

4Parking
Buzzlead
Canion Software
Comtec Goiás
Decisão Sistemas
Funtec
Geoinova
HD Tecnologia
Image Buzz
IPróxima Soluções
Grupo Mancini
Meta Tecnologia
Neokoros
Profit
Resultys
Soluti
Supera
Super Bolla
Totvs Goiás
Trama Digital
Tron
Unyt Arquitetura de Resultados
Way Taxi

Contato


Endereço: Rua 119, nº 64, St. Sul, Goiânia-GO, 74085-420
+55 (62) 3241-2564
contato@ninho.biz